Filosofia

O LIBER é uma instituição de atuação política, sem fins lucrativos, que visa difundir os preceitos do Libertarianismo, doutrina filosófica baseada nos princípios da não agressão e da auto-propriedade.

O Libertarianismo defende a maximização das liberdades individuais, devolvendo às pessoas o direito de determinar a condução de suas vidas e de realizar suas escolhas de acordo com suas próprias consciências, desde que sem iniciar agressão contra terceiros, possibilitando, assim, o pleno desenvolvimento de suas capacidades e felicidade.

O Libertarianismo abomina qualquer intervenção violenta na vida e nas escolhas das pessoas, seja ela promovida por outros indivíduos ou por grupos. Ademais, sempre que o estado viola o direito dos indivíduos de dispor do próprio tempo e de seus bens, o resultado é desastroso – miséria, escassez e guerras. Assim, o LIBER acredita que em um Livre Mercado de bens e ideias, todos os indivíduos são beneficiados, independentemente de sua aptidão física, classe social ou grau de instrução.

O LIBER acredita que uma sociedade baseada na cooperação voluntária é uma sociedade mais justa, solidária, coesa e próspera. Da mesma forma, o LIBER entende que qualquer tentativa de criar justiça, solidariedade, coesão ou prosperidade baseada na imposição, no uso de força, em ameaças ou em sanções é absurda, imoral e sempre resultará no exato oposto – na sociedade em que vivemos hoje, uma sociedade dividida, onde reina a pobreza, a indiferença e a injustiça.

O LIBER movimenta-se para tornar-se um partido político, ampliando, assim, seu leque de atuação, de forma a permitir a difusão do Libertarianismo dentro da própria “máquina estatal”.